Etiquetas

domingo, 1 de junho de 2014

GRACE DE MÓNACO (Grace of Mónaco) de Olivier Dahan

Uns anos depois de ter casado com o príncipe Rainer do Mónaco, a actriz Grace Kelly é convidada por Alfred Hitchcock para fazer um novo filme. Ao mesmo tempo, a França está a fazer pressão sobre o Mónaco, com a possível invasão do mesmo por tropas francesas. As duas situações misturam-se gerando polémica e conflitos.

Quando ouvi dizer que este filme era pior que o DIANA esperei o pior, mas o facto de gostar de Nicole Kidman e de Grace Kelly levou-me a querer vê-lo e ainda bem que o fiz. Não é nenhum clássico, nem uma grande obra, mas segue-se com interesse e Kidman está lindíssima. Ao contrário de Naomi Watts em DIANA, Kidman não se limita a imitar Grace Kelly, ou a fazer um deslumbrante desfile de moda, mas dá-lhe emoção e vida.


Acho que posso afirmar que sou praticamente um zero no que diz respeito a História, pelo que não conhecia o episódio aqui retratado. Claro que o realizador Olivier Dahan e a sua câmara está mais interessado na beleza de Kidman do que na história que conta, mas consegue um bom equilíbrio entre ambas as coisas. Ele também se mostra um bom director de actores e não me surpreenderia ver o nome de Kidman entre as próximas nomeações para os Óscares. Classificação: 6 (de 1 a 10)



Sem comentários:

Enviar um comentário