Etiquetas

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

O FANTASMA DO PARAÍSO de Brian de Palma


Com excepção de meia-dúzia de filmes que vi nas sessões da meia-noite, este foi o primeiro filme de terror adulto que vi em horário normal nos cinemas. À data não fazia a mínima ideia de quem era o realizador, apenas que a história era inspirada pelo clássico FANTASMA DA ÓPERA, um filme de que os meus pais falavam muito. Assim, um dia à matinée, lá fomos ver este filme.

Para quem já gostava da música do Gershwin, Cole Porter, Richard Rodgers e outros tais, a banda sonora deste filme era um pesadelo. Detestei a música e o filme era completamente histérico. Os meus pais estavam em “estado de choque”, isto não tinha nada a ver com o clássico de que eles tanto gostavam, mas a história era praticamente a mesma. Do que me lembro melhor é das alucinantes cenas do concerto; um dia ainda gostava de rever isto. 



Sem comentários:

Enviar um comentário